Artigos sobre: Configurações

Configurando a emissão de nota de produto - NF-e

Com a integração com a plataforma de pagamento habilitada, antes de iniciar a emissão das notas fiscais, é necessário parametrizar os dados que serão utilizados na emissão da nota como Inscrição Estadual, Código de Regime Tributário, Certificado e os impostos.

Informando os dados da empresa



Em sua conta na Spedy, clique no nome do usuário no canto superior direito e selecione a opção Minha Empresa.



Na aba Dados, preencha os seguintes campos:

Inscrição Estadual: Inscrição Estadual da empresa;

CRT: Regime tributário da empresa:

Simples Nacional: Empresa for optante pelo Simples Nacional;
Simples Nacional - Excesso de sublimite da receita bruta: Empresa for optante pelo Simples Nacional mas que tiver ultrapassado o sublimite de receita bruta fixado pelo estado/DF e estiver impedido de recolher ICMS/ISS por esse regime, conforme arts.19 e 20 da Lei Complementar 123/06.
Regime Normal: Empresas do Lucro Real ou Lucro Presumido.



Na aba Certificado, selecione o Certificado digital da empresa (eCNPJ - modelo A1), informe a senha do certificado e clique em Enviar.

O certificado digital é o documento que representa a identidade jurídica da empresa na emissão da Nota Fiscal Eletrônica. Geralmente, o arquivo do certificado possui a extensão .pfx.



Para concluir, clique em Salvar.

Configurando os dados para emissão de NF-e



Agora, clique no nome do usuário e selecione a opção Configurações.

Na aba NF-e, iremos configurar os dados para emissão de nota fiscal de produto. Nesta aba, os seguintes campos deverão ser preenchidos:

Ambiente: Produção;
Série: Série da NFe;
Número da Próxima NF-e: Número da próxima NF-e a ser emitida;
Unidade Comercial:Unidade Comercial do produto;
Unidade Tributável: Unidade Tributável do produto (para vendas para o exterior, a unidade utilizada é KG - Kilograma);
CFOP Interno: CFOP para operação dentro do estado;
CFOP Internacional: CFOP para operação para o exterior;
CFOP Interestadual (Não contribuinte): CFOP para operação fora do estado, destinada a não contribuinte;
CFOP Interestadual (Contribuinte): CFOP para operação fora do estado, destinada a contribuinte;
NCM: Código NCM (Nomenclatura Comum do Mercosul);
Tributação: Grupo de tributação configurado para emissão das notas;
Informações adicionais: Texto de informações adicionais, se necessário.

Os dados para configuração de emissão de nota podem ser obtidos com o seu contador.



Se um produto tiver uma configuração de tributos específica, como um NCM diferente, você poderá configurar os dados direto no cadastro do produto, acessando o menu Produtos.

Na aba Geral, iremos configurar o endereço para emissão das notas fiscais. Este recurso pode ser utilizado quando não é solicitado o endereço do cliente no checkout da plataforma de vendas, sendo ele necessário para emissão da nota fiscal por exigência da SEFAZ.

Nesta aba teremos as seguintes opções.

Emitir sem endereço do cliente: Não será realizado a validação de endereço para emissão da nota fiscal.
Emitir com o endereço da empresa: Com esta opção selecionada será utilizado o endereço da empresa na emissão das notas ficais.
Emitir com um endereço padrão: Com esta opção selecionada você poderá definir o endereço padrão para a emissão da nota fiscal, conforme orientado por sua contabilidade.



Para utilização do endereço da empresa ou endereço padrão na nota fiscal, é primordial confirmar com sua contabilidade se este recurso não trará incidentes fiscais à sua empresa.

Configurando a tributação



Para configurar as regras de tributação, conforme regime da empresa, clique no nome do usuário e selecione a opção Tributação.



A plataforma já contém uma Configuração de tributação padrão. Você pode editá-la para configurar as regras conforme sua necessidade.

Para editar ou inserir regras para emissão da nota de produto, clique botão Editar, na tributação Simples.



Na tela exibida, clique em Editar novamente para configurar a Regra de tributação conforme orientado por sua contabilidade. Após configurar, clique no botão Salvar.



Para concluir, clique em Salvar novamente.

Se sua empresa for do Regime Normal e ter uma regra de tributação específica para determinados estados, você poderá criar uma nova regra para atender esta necessidade.

Agora, com a integração com a plataforma habilitada e as configurações para emissão de notas realizada, você já pode começar a emitir suas notas fiscais de produto.

Caso ainda tenha alguma dúvida, entre em contato conosco através de um de nossos canais de atendimento.

Até mais.

Atualizado em: 02/05/2024

Este artigo foi útil?

Compartilhe seu feedback

Cancelar

Obrigado!